Pudim de coco

Imprimir Receita
Pudim de coco
Quando o tempo aquece gosto sempre de utilizar ingredientes um pouco mais exóticos que com o frio me parecem demasiado desequilibrados para consumir. Introduzo-os principalmente nas sobremesas, que faço só em dias de festa, deixando-me levar pelos sabores mais tropicais. Neste caso utilizei o leite de coco inteiro para fazer este pudim. Quando o fiz, tinha na minha cabeça o pudim de tapioca, mas não queria usar tapioca, também ela tropical. Decidi então usar, em sua substituição, um pouco de sémola de milho, para tornar o pudim mais adaptado à nossa geografia.
Tempo Preparação 20 min
Tempo Cozedura 7 min
Tempo passivo 1 h
Doses
doses
Ingredientes
  • 800 ml água
  • 1 colher sopa manteiga caju (bem cheia)
  • 3 vagem cardamomo
  • 1 a 2 folha erva príncipe fresca
  • 1 colher chá agar-agar pó
  • 200 ml leite coco inteiro
  • 3 colher sopa semola milho fina
  • 4 colher sopa geleia arroz
  • 5 colher sopa coco ralado
Tempo Preparação 20 min
Tempo Cozedura 7 min
Tempo passivo 1 h
Doses
doses
Ingredientes
  • 800 ml água
  • 1 colher sopa manteiga caju (bem cheia)
  • 3 vagem cardamomo
  • 1 a 2 folha erva príncipe fresca
  • 1 colher chá agar-agar pó
  • 200 ml leite coco inteiro
  • 3 colher sopa semola milho fina
  • 4 colher sopa geleia arroz
  • 5 colher sopa coco ralado
Instruções de preparação
  1. Num copo misturador, junta a água com a manteiga de caju e bate, com a ajuda de uma varinha mágica, até a manteiga se dissolver totalmente e obteres uma bebida branca.
  2. À parte, abre as vagens de cardamomo e retira-lhes as suas sementes. Coloca-as num almofariz e esmaga até obteres um pó.
  3. Num tacho, mistura a bebida de caju com o pó de cardamomo e o agar-agar. Mexe bem até dissolver totalmente, adicionando em seguida o leite de coco e a erva-príncipe. Coloca em lume médio, mexendo de vez em quando.
  4. Quando o preparado começar a ferver, adiciona a semola de milho e mexe constantemente, durante aproximadamente 5 minutos, ou até que a semola esteja cozinhada e suave.
  5. Antes de apagar o fogo, junta a geleia de arroz e mistura.
  6. Retira a erva-príncipe e verte o restante preparado em formas individuais. Deixa arrefecer e coloca no frigorífico.
  7. Numa frigideira aquece o coco ralado em fogo médio durante uns segundos, até que a sua cor fique mais escura e comece a libertar aroma. Deves estar vigilante e mexer sempre para que o coco não queime.
  8. Quando os pudins já estiverem frescos, serve com o coco e uma geleia à tua escolha.
Recipe Notes

Desta vez, decidi servir os pudins com uma geleia de morango e ginja. Agarrei em 6 morangos frescos e um punhado de ginjas secas, umas gostas de sumo de limão, misturei com um pouco de geleia de arroz e triturei. Depois coloquei no interior dos pudins e servi. 🙂

Se quiseres um resultado mais parecido a uma pannacota podes simplesmente adicionar 2 colher chá de agar-agar e não utilizar a semola de milho. Obterás um pudim mais suave e fresco.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *