Caldo de miso

Os caldos de miso são muito usados na alimentação macrobiótica, já que o miso é um fermentado de grande qualidade que nos ajuda a fortalecer o intestino, a purificar o sangue e fortalece o sistema imunitário, sendo, por isso, recomendado na maioria dos casos de convalescença. Os legumes que aqui utilizei são apenas uma proposta, mas podem utilizar qualquer combinação que seja do vosso agrado.

Imprimir Receita
Caldo de miso
Tempo Preparação 30 min
Tempo Cozedura 20 min
Tempo passivo 10 min
Doses
Ingredientes
  • 25 gramas alga aramé
  • 5 cogumelos shitake secos
  • 1 cebola grande
  • 2 cenouras pequenas
  • 4 cm gengibre fresco
  • 25 gramas espinafres
  • 5 colher sopa Mugi miso
  • alhinho pode utilizar rama de alho francês, salsa, ou outra aromática
  • sementes sésamo
  • 1,2 lt água
  • 1 colher sopa óleo sésamo
Tempo Preparação 30 min
Tempo Cozedura 20 min
Tempo passivo 10 min
Doses
Ingredientes
  • 25 gramas alga aramé
  • 5 cogumelos shitake secos
  • 1 cebola grande
  • 2 cenouras pequenas
  • 4 cm gengibre fresco
  • 25 gramas espinafres
  • 5 colher sopa Mugi miso
  • alhinho pode utilizar rama de alho francês, salsa, ou outra aromática
  • sementes sésamo
  • 1,2 lt água
  • 1 colher sopa óleo sésamo
Instruções de preparação
  1. Demolhe as algas e os cogumelos em 200ml de água, durante 10min.
  2. Descasque a cebola e corte em juliana.
  3. Coloque uma panela a lume médio e adicione a cebola. Após 2min adicione o óleo de sésamo.
  4. Lave abundantemente e corte as pontas das cenouras (como utilizo legumes biológicos mantenho a pele). Corte-as em juliana. Junte à cebola, na panela, e reduza o lume para o mínimo.
  5. Corte os cogumelos em juliana e junte ao preparado.
  6. À parte, rale o gengibre e esprema-o entre as suas mãos. Adicione este sumo à sopa. Mexa bem.
  7. Adicione a alga e a água (1,2lt, juntamente com a água onde demolhou os cogumelos e a alga) aos restantes vegetais e cozinhe por aproximadamente 15min.
  8. Lave os espinafres e adicione-os à sopa. Deixe cozinhar por 5 a 10min mais.
  9. Retire 2 conchas de líquido da sopa e coloque numa taça. Adicione o miso e, com a ajuda de um garfo, dissolva o miso neste caldo. Deite o caldo de miso no restante preparado e apague o lume assim que a sopa começar a levantar fervura, para que o miso não perca as suas propriedades.
  10. Corte finamente uma folhas de alhinho e sirva juntamente com algumas sementes de sésamo.
Recipe Notes

Por ser um fermentado, o miso nunca deve ser cozinhado. Por essa razão, só o adicionamos quando os restantes vegetais já estão cozinhados.

Se quer fazer uma sopa de miso para guardar durante alguns dias no frigorífico, aconselho a cozinhar apenas os vegetais e reservar, adicionando o miso apenas no momento de servir. Desta forma, assegura que as propriedades do miso se mantém.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *