Gelatina de limão e biscoito

Esta sobremesa é super fresca e sempre que a servi foi um sucesso, a receita é do Instituto Macrobiótico, onde estudei. Confesso que é uma das que mais gosto de fazer. Porque tem agar-agar, ajuda a regular o trânsito intestinal.

Imprimir Receita
Gelatina de limão e biscoito
Tempo Preparação 25 min
Tempo Cozedura 5 min
Tempo passivo 120 min
Doses
doses
Ingredientes
  • 1 lt sumo de maçã
  • 1 colher sopa agar-agar em pó
  • 1 sumo de limão
  • 100 gr biscoitos sem açúcar nem óleo palma
  • 1 colher sopa farinha araruta ou kuzu
  • 7 colher sopa geleia arroz
  • 1 pacote nata aveia 200ml
  • sementes papoila
  • raspa de 2 limões
Tempo Preparação 25 min
Tempo Cozedura 5 min
Tempo passivo 120 min
Doses
doses
Ingredientes
  • 1 lt sumo de maçã
  • 1 colher sopa agar-agar em pó
  • 1 sumo de limão
  • 100 gr biscoitos sem açúcar nem óleo palma
  • 1 colher sopa farinha araruta ou kuzu
  • 7 colher sopa geleia arroz
  • 1 pacote nata aveia 200ml
  • sementes papoila
  • raspa de 2 limões
Instruções de preparação
  1. Diluir 1 csp de agar-agar, a farinha de araruta e 5 csp de geleia de arroz no sumo de maçã e levar ao lume mexendo sempre. Deixar ferver uns 3min.
  2. Quando apagar junte a raspa e o sumo de 1 limão.
  3. Forre o fundo de um pirex com biscoitos.
  4. Deite o sumo da maçã previamente fervido por cima dos biscoitos. Para que os biscoitos fiquem no fundo, deite apenas o suficiente para cobrir os biscoitos. Deitar a restante calda apenas quando a anterior já tiver solidificado. Deixar arrefecer e colocar no frigorífico.
  5. Noutro recipiente, misture as natas de aveia com a restante de geleia de arroz e colocar por cima da gelatina ao servir. Se preferir um molho mais espesso, pode levar as natas de aveia ao lume com 1 csp de farinha de araruta e a geleia de arroz. Coloquem por cima da gelatina e deixam no frigorifico.
  6. Sirva bem fresco e coloque sementes de papoila e raspa de 1 limão antes de servir.
Recipe Notes

As folhas de hortelã, pela sua frescura, podem ser um bom complemento e ajudam a enaltecer o empratamento.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *